Aos 77 anos, Susana Vieira faz musculação e dança em tarde de folga

Susana Vieira faz aula de musculação e dança no Rio
Susana Vieira faz aula de musculação e dança no Rio. Foto: Janaina de Paula /AgNews

Se nem aos trinta a gente vai para a academia, imagina aos 77. Enquanto isso, Susana Vieira faz musculação e dança mesmo em dia de folga das gravações de Éramos Seis. A atriz enfrenta uma leucemia, tipo de câncer nos glóbulos sanguíneos e mesmo assim não deixou o trabalhou ou a rotina de lado. Na tarde desta quarta-feira (11), a estrela global foi acompanhada de uma fotógrafa para o local onde treina, num shopping carioca, e fez algumas fotos com uma paparazzo.

No ar como Tia Emília, na faixa das 18h da Globo, Éramos Seis, a diva não para. Além da novela, ela ainda tem feito campanhas publicitárias. Em uma delas, aparece ‘nua’ para divulgar uma marca de refrigerante natural no Instagram. Para manter a boa forma, a receita está dada: Susana faz musculação e dança! Não importa se está sol, chuva, se é dia de gravação ou de folga. Força, foco e fé! Aí está a estrela maromba em que nós precisamos nos inspirar.

Brincadeiras a parte, a atriz enfrenta um câncer incurável, mas mantém a doença sob controle. Ela foi diagnosticada em 2015 com Leucemia Linfocítica Crônica, tipo de câncer em que a medula produz mais linfócitos que o comum. Como é inicialmente assintomático, a doença normalmente não é diagnosticada no início. Ainda assim, Susana conseguiu fazer um tratamento menos agressivo, como quimioterapia, e segue sua vida normalmente com a doença.

Consequências da doença

A LLC é um tipo de câncer em que as células de defesa do organismo, Linfócitos B, começam a ser produzidas em excesso. Olhando por esse lado, seria legal. Acontece que ter muitas delas no sangue acaba fazendo com que a maioria perca sua função. Assim, o corpo do paciente fica suscetível a infecções, viroses ou bactérias. Em 2017, a atriz teve uma infecção respiratória grave durante uma viagem aos Estados Unidos. Ela precisou ficar internada numa Unidade de Tratamento Intensivo.

Os sintomas da doença são pouco claros e variam de cansaço a anemia e infecções graves consecutivas. No entanto, é um tipo de doença que se manifesta majoritariamente em pessoas acima dos 55 anos.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Veja também

O site Famosando é um parceiro do IG Gente 

Fechar Menu